21.4.17

o sítio de ser sozinho

Há um sítio que não precisa de morada, faz cabana da alma e é sempre nesse caminho que o corpo procura a calma. Calma de respirar sozinho, beber um copo de vinho e ouvir o vento que vem do silêncio e do cheiro a azevinho. 
Não tem número nem caixa do correio, não tem estrada nem passeio, faz de conta que não conta ter o corpo num sítio assim. 

E qual é o teu sítio de ser sozinho?

Sem comentários:

Enviar um comentário